O novo plenário da Alepe
O novo plenário da AlepeFoto: Rafael Furtado

A Assembleia Legislativa (Alepe) aprovou, em primeira discussão, o Projeto de Lei (PL) 1585/2017, de autoria do Poder Executivo. A matéria ampliou para dois mil o número de vagas do concurso para agente penitenciário, que já teve a primeira fa­­se, a prova escrita, realizada. Pe­­lo que era previsto no edital, o certame só teria 85 vagas, mas, com o PL, um número maior de aprovados será chamado. O texto ainda será votado novamente na Casa.

Leia também:
Polícia Federal investiga fraudes em 14 concursos públicos
TJPE divulga edital de concurso público com 109 vagas


Segundo a Liderança do Governo na Alepe, chamar mais agentes é essencial diante da projeção de abertura sete mil novas vagas para deten­­tos no sistema prisional. Até 2018, devem ser concluídos o Centro Integrado de Ressocialização de Itaquitinga e o Complexo de Araçoiaba. Atualmente, há apenas 1,5 mil agentes para 29 mil presos.

O certame para novos servidores, aberto no primeiro semestre deste ano, teve oito mil candidatos. O tex­­to estabelece que 1,7 mil serão para agentes masculinos, e 300, para agentes femininas. A remuneração será de R$ 3.872,82.

comece o dia bem informado: