Caso de Ricardo Bueno é o que mais preocupa o Tricolor
Caso de Ricardo Bueno é o que mais preocupa o TricolorFoto: Paullo Allmeida/Folha de Pernambuco

O Santa Cruz ganhou boas condições de encostar no pelotão de cima da Série B nos próximos dias. A Cobra Coral acabou diretamente "privilegiada" pela tabela da Série B, ao ter três confrontos consecutivos no Recife. O primeiro já aconteceu - empate em 0x0 com o Náutico no último sábado. Agora, faltam dois duelos, ambos na Arena de Pernambuco e tendo o Tricolor como mandante. O próximo será amanhã, contra o Vila Nova/GO, atual quinto colocado da competição. O problema, porém, é a quantidade de desfalques na equipe.

Há uma probabilidade de o técnico Givanildo Oliveira ter nada menos do que cinco baixas em seu time: Jaime (zagueiro) Nininho (lateral-direito), Elicarlos (volante), Thiago Primão (meia) e Ricardo Bueno (atacante). O primeiro está suspenso e, portanto, vetado para o jogo contra a equipe goiana. Os outros quatro estão se recuperando de lesão. Thiago Primão pode até ser uma surpresa na escalação para o confronto, pois chegou a treinar com bola ontem, apesar de ainda não se encontrar em plenas condições físicas.

Das ausências, a que deve ser mais sentida é a de Ricardo Bueno. Com um edema no joelho direito, o centroavante é dúvida para a partida na Arena de Pernambuco. Caso o centroavante seja mesmo vetado, Halef Pitbull permanecerá como titular no ataque tricolor. Para o lugar de Jaime, há dois nomes na disputa. Anderson Salles, titular no início do ano e que caiu nas graças da torcida graças a suas mortais cobranças de falta é uma das opções. A outra é Sandro, que fará a sua estreia caso seja escolhido.

veja também

comentários

comece o dia bem informado: